Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de Investimentos - PPI

PPI recebe estudantes da FGV e apresenta o Programa de concessões do Governo

Home > Notícias > PPI recebe estudantes da FGV e apresenta o Programa de concessões do Governo

23 de outubro de 2017

PPI recebe estudantes da FGV e apresenta o Programa de concessões do Governo

Alunos da FGV

A equipe do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) recebeu na tarde desta segunda-feira (23), os alunos do curso de Administração Pública da Fundação Getúlio Vargas (FGV), de São Paulo, que fazem parte do programa "Imersão Federal". No encontro, foram apresentados os objetivos do Programa de concessões do Governo Federal e os empreendimentos qualificados por meio das Reuniões do Conselho do PPI - que hoje são 145 no total.

O secretário especial do PPI, Adalberto Vasconcelos, falou um pouco dos desafios encontrados na criação do Programa (em maio de 2016), como a construção de contratos que permitam dar sustentabilidade à concessão e na retomada da credibilidade do mercado nacional e estrangeiro. Lembrou, ainda, da nova governança, do rigor no cumprimento dos prazos e da agenda intensa - de um time composto por especialistas na área de infraestrutura, economia, engenharia, direito, dentre outros.

Histórico - O PPI remodelou o formato das concessões no Brasil: elaborou regras mais claras, com contratos mais consistentes, e apenas qualificou projetos maduros. "Foram medidas simples, mas que fizeram muita diferença para recuperarmos a confiança dos investidores", afirmou o secretário.

Na ocasião, Vasconcelos ressaltou o importante papel da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), órgão vinculado ao PPI, na elaboração dos estudos, na obtenção dos licenciamentos ambientais, junto ao Ministério do Meio Ambiente, e outras atribuições essenciais para o Programa.

Amanhã (24), a visita continua e os alunos vão participar de uma palestra ministrada pelos diretores Pedro Bruno Barros e Bruno Eustáquio Ferreira.

Conheça nossos projetos

Fonte: PPI

Leia outras notícias

  • Leilão dos aeroportos: oferta mínima será de R$ 754 milhões

    Continue lendo
  • Investidores estrangeiros voltam a acreditar no Brasil

    Continue lendo