Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de Investimentos - PPI

Concluído processo de desestatização da Celg D

Home > Notícias > Concluído processo de desestatização da Celg D

14 de fevereiro de 2017

Concluído processo de desestatização da Celg D

Celg D

A União concluiu o processo de desestatização da Celg Distribuição – companhia energética que atende 237 municípios goianos. O contrato foi assinado nesta terça-feira (14), em Goiânia/GO, entre os representantes da antiga estatal e a italiana Enel. A previsão é de que a empresa receba, num primeiro momento, cerca de 800 milhões de dólares em investimentos.

A Celg Distribuição era controlada pela Eletrobrás, que detinha 50,93% do capital. A empresa chegou a ir a leilão em agosto passado, mas não houve interessados. Os integrantes do mercado de energia afirmaram que o preço estabelecido estava alto demais. Incluída no Projeto Crescer, a venda da Celg D voltou então à área técnica, que remodelou a venda. O valor mínimo foi ajustado para R$ 1,791 bilhão e o novo leilão, realizado em novembro, acabou com o lance da Enel e o ágio de 28,03%.

Foi a primeira privatização feita no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), lançado ainda no primeiro dia de interinidade do presidente Michel Temer. A compradora, a Enel, já atua no mercado brasileiro de distribuição de energia no Ceará e em parte do Estado do Rio de Janeiro.

Leia outras notícias

  • Leilão do Terminal de Trigo do RJ será no dia 20 de abril

    Continue lendo
  • ANP divulga pré-edital da 4ª rodada de acumulações marginais

    Continue lendo